CBF lança camisa branca que será usada na estreia do Brasil

A CBF terá uma nova camisa para a disputa da Copa América de 2019. Nova, mas tem tanto assim. O uniforme apresentado, nesta terça-feira, será de cor predominantemente branca, lembrando a utilizada no vice-campeonato na Copa do Mundo de 1950. Com Vinicius Junior de modelo, foi divulgado oficialmente ao público e será usada na partida inaugural da Copa América, contra a Bolívia, no Morumbi.

“Temos orgulho de toda a nossa trajetória. A Seleção Brasileira é a maior de todos os tempos, com maior número de taças, vitórias e gols marcados na Copa do Mundo. Nossa camisa tornou-se símbolo de alegria, talento e liberdade e o time de 1919 faz parte dessa linda história”, destacou Rogérior, segundo o Terra.

“Primeiramente, quero agradecer o convite. Obrigado por eu vestir essa camisa que a Seleção não joga há muito tempo e estamos juntos”, declarou Vinicius Junior.

A camisa amarela também mudou. Faz referência à Seleção de 89, época em que o Brasil sediou o torneio pela quarta vez. A gola em V dá lugar ao clássico design em gola polo verde e as mangas da camisa ganham detalhes da mesma cor, remetendo ao desenho usado naquele período.

Os números no calção são aplicados em amarelo, enquanto os meiões brancos seguem as tradicionais cores da bandeira brasileira com detalhes em amarelo e verde. A logomarca da Nike é registrada no centro da peça na cor azul.

O segundo uniforme segue sendo o mesmo apresentado no ano passado, com a camisa Azul Celestial e marca d’água em estampa de mosaico formada por estrelas que partem do escudo. Calção branco e meias azuis completam o conjunto.

O uniforme branco deixou de ser utilizado como uniforme do Brasil em 1954. Após o vice-campeonato na Copa de 1950, a cor ficou marcado pela perda do título. Em 2004, a Seleção usou o uniforme em amistoso contra a França, em comemoração aos 100 anos da Fifa. Atualmente, o uniforme principal é canarinho e o reserva é azul.

09/04/2019

(Visited 1 times, 1 visits today)